Mãe de Cristiano Ronaldo conta que tentou abortar o jogador

CR10Cristiano Ronaldo com a mãe Maria Dolores. (Reprodução/YouTube)

Quem já não vibrou e se maravilhou com o futebol do craque Cristiano Ronaldo? Considerado o melhor jogador português de todos os tempos, Cristiano quase não pode cumprir seu destino.

Quando sua mãe, Maria Dolores, estava grávida pela quarta vez, angustiada e com medo do futuro, decidiu abortar.

Ela procurou pelo médico e pediu para tirar o bebê, mas a resposta que recebeu foi “De jeito nenhum! Você tem apenas 30 anos e nenhuma razão física para não ter este bebê. Já verá como será a alegria da casa!”

Sem a conivência do médico, Maria Dolores voltou para casa desolada, sem saber como sustentaria mais uma criança. Uma vizinha, ciente das dificuldades que Dolores e sua família viviam, recomendou uma receita caseira para abortar: fever uma cerveja escura, beber até o último gole e em seguida correr à exaustão.

Foi o que Dolores fez, mas depois de um par de horas, não viu nenhum sinal. O embrião parecia tranquilo e seguro. Foi quando então Maria Dolores tomou a decisão que mudaria sua vida para sempre, mesmo que no momento não compreendesse, “Se a vontade de Deus é que esta criança nasça, que assim seja!”

Nas consultas de rotina que seguiram, Dolores descobriu que esperava por um menino. O médico, que via a mãe abatida pelas dificuldades financeiras, tentava a animar e certa vez, quase que em tom profético, disse “Alegra-te, mulher, este bebê vai te dar muita sorte na vida e muita felicidade!”

Apesar disso, os fantasmas de uma vida difícil e de um futuro incerto continuavam a assombrar Dolores.

Finalmente, chegado o dia, seu quarto bebê nasceu. No parto, o médico ainda segurando o recém-nascido antes de entrega-lo à mãe, disse algo que ficaria para sempre na memória de Dolores “Com pés como estes, será um jogador de futebol!”

Cristiano Ronaldo é o caçula de quatro irmãos e cresceu na casa humilde, mas amorosa, da família Aveiro. Os irmãos mais velhos muitas vezes cuidaram do menino no lugar da mãe, que precisava trabalhar para colocar comida na mesa.

Além de trazer muitos sorrisos, abraços e carinho para sua família, Cristiano Ronaldo cresceu e se destacou no futebol. Ele se tornou a camisa 7 do Real Madrid e é o jogador mais caro da atualidade, inspirando milhões de fãs, compatriotas e admiradores do futebol.

 

Com informações de La Razón.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *