Sharon Osbourne, esposa de Ozzy Osbourne, considera aborto “a pior coisa que já fiz”

Sharon Osbourne, esposa da estrela do rock Ozzy Osbourne e empresária da banda Black Sabbath, disse ao Daily Mail que de todos os erros que fez na vida, o aborto foi “a pior coisa”.

Ela contou à repórter:

Tive um aborto aos 17 anos e foi a pior coisa que já fiz.

Foi a primeira vez que eu fiz sexo e foi terrível.

Eu sempre pensava que [a primeira vez] seria tudo violinos, mas foi horrível.

Eu estava de dois meses quando percebi.

Fui contar para minha mãe e ela disse, sem parar para respirar: “Você tem que se livrar disso!”.

Ela me disse onde era a clínica e praticamente me empurrou. Ela estava tão brava. Ela dizia que eu tinha entrado nessa bagunça e agora ela tinha que me tirar.

Mas ela não veio comigo. Eu fui sozinha. Eu estava aterrorizada. Estava cheio de outras garotas e estávamos todas aterrorizadas, olhando umas para as outras e ninguém dizia uma única palavra. Eu uivei o meu caminho ao passar por isso, e foi horrível.

Eu nunca recomendaria [o aborto] para ninguém porque ele volta para te assombrar.

Quando tentei ter filhos, perdi três.

Acho que foi porque no aborto alguma coisa aconteceu no colo do meu útero. Depois de três abortos espontâneos, eles [médicos] tiveram que dar um ponto nele.

Na vida, seja o que for, você tem que pagar em algum lugar lá na frente.

1 Reply to “Sharon Osbourne, esposa de Ozzy Osbourne, considera aborto “a pior coisa que já fiz””

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *