Mãe de Thiago Silva revela que quase abortou o jogador

Quem poderia imaginar que a decisão de uma mãe de dar a vida ao filho ou abortar influiria sobre a seleção brasileira?

É o caso de Thiago Silva: ele quase não pode nascer para chutar uma bola – quanto menos defender o Brasil na Copa do Mundo da Rússia.

Num entrevista a Rede Globo, em 2014, a mãe de Thiago, Dona Ângela, disse que pensou em abortar o jogador:

“Eu cheguei a chorar no colo do meu pai, dizendo que não queria fazer (o aborto), mas eu também não tinha condição. Só que ele não deixou que eu fizesse… cometesse um pecado.”

Porque o avô dissuadiu a mãe de abortar, em 22 de setembro de 1984 Thiago nasceu. Ele cresceu junto com os irmãos na favela de Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

De origem humilde, Thiago se tornou um dos melhores zagueiros do mundo. Hoje ele é casado, tem dois filhos, defende a seleção brasileira e participa pela terceira vez de uma Copa do Mundo – uma conquista que poucos jogadores conseguem.

Thiago declarou que está determinado em conquistar o hexa para o Brasil porque quer “dar um pouco mais de alegria para o povo”.

A vida de Thiago é um dom – e ele sabe disso. No braço, ele leva a tatuagem: “Eu não possuo o mundo, mas sou o filho do dono”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *